Hoje, 27 de outubro, Dia Nacional de Luta pelos Direitos da Pessoa com Doença Falciforme, a Fundação Hemocentro de Brasília (FHB) e a Associação Brasiliense de Pessoas com Doença Falciforme (ABRADFAL) lançam uma plataforma on-line para o cadastro de pessoas com doença. O objetivo da ação é mapear pacientes atendidos em unidades de saúde pública ou privada do Distrito Federal.

Para o deputado distrital Robério Negreiros (PSD), autor da Lei 5.781/2016 – conhecida como Lei da doença Falciforme e outras Hemoglobinopatias do DF, que garante os direitos das pessoas com a enfermidade, a iniciativa do cadastramento representa mais uma grande conquista, pois irá proporcionar um tratamento especializado capaz de garantir mais qualidade de vida às pessoas com a doença.

 

 

 

“O cadastramento irá ajudar na identificação das pessoas com a enfermidade no Distrito Federal, possibilitando, assim, um melhor atendimento”, frisou Robério.

O cadastro pode ser feito até o dia 23 de dezembro pelo site www.hemocentro.df.gov.br/falciforme/.

Compartilhe: