Protocolei o PL n° 1945/2018 que dispõe sobre a obrigatoriedade de emissão da Carteira de Identificação do Autista no Distrito Federal, para assegurar os direitos constitucionais das pessoas com Transtorno do Espectro Autista. A expedição da carteira ficará a cargo da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos do Governo de Brasília. Tal medida ajudará na identificação, já que o autismo é condição comportamental, não apresentando características físicas, o que acarreta preconceito e discriminação muitas vezes por não serem identificados.

#VamosJuntos #FimDoPreconceitoComAutistas #RobérioNegreiros

Para compartilhar: